A inovação e a tecnologia são indispensáveis para enfrentar os desafios e apresentar soluções para um setor responsável por 56% da matriz energética mundial.

Implementar soluções de telecomunicações para as indústrias de óleo e gás é um verdadeiro desafio. Devido à complexidade do planejamento de rede, as soluções precisam garantir cobertura em locais muito remotos e de difícil acesso.

Isso exige que as comunicações sejam confiáveis ​​e resistentes, para operar em grandes áreas, sob condições ambientais extremas. Apenas mencionando o Brasil, falamos de uma área total de 6,4 milhões de quilômetros quadrados voltados ao setor, segundo a Associação Brasileira da Infraestrutura e Indústrias de Base (ABDIB).

E a inovação é a resposta para enfrentar os mais diversos obstáculos em um segmento responsável por 56% da matriz energética mundial, segundo o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES). Um processo que envolve fatores como otimização de recursos e investimentos de capital, gerenciamento do sistema de distribuição e segurança do pessoal e das instalações.

E tudo isso está diretamente relacionado a boas soluções em telecomunicações. Quer saber mais sobre o assunto? Siga a leitura!

As telecomunicações nas indústrias de óleo e gás

As indústrias de óleo e gás existem há mais de 150 anos e têm importância fundamental para a sociedade. Trata-se de uma engrenagem de operação complexa, em termos de suporte de telecomunicações. São grandes quantidades de dados exploratórios e operacionais, no que diz respeito tanto ao que a terminologia técnica classifica como de características críticas quanto sensitivas a tempo, ou time-sensitive.

Tais informações precisam ser transmitidas a profissionais especializados, para a devida análise. E eles podem estar localizados a milhares de quilômetros do local de extração. Daí a contribuição das boas redes de telecomunicações, que desempenham papel crucial, a partir, por exemplo, da instalação de sensores digitais.

A partir disso, abre-se um universo de possibilidades. Falamos em poder detectar vazamentos e derramamentos nas tubulações, verificar o estado de objetos, como tetos flutuantes de tanques, plataformas, cabeças de poço, vagões e caminhões, evitando o envio de funcionários para a conferência, várias vezes ao dia.

Assim, supervisores e trabalhadores de campo podem monitorar e receber dados de equipamentos em seus computadores, tablets ou smartphones, independentemente do local em que se encontram. Uma segurança para a operação e para os profissionais envolvidos, na certeza de uma maior assertividade de dados para a melhor tomada de decisão.

As muitas vantagens da comunicação sem fio

Hoje, sabemos que o setor de telecomunicações sem fio oferece uma variedade de soluções que podem ser usadas individualmente, ou de forma combinada. Tudo para atender às diferentes necessidades da indústria de óleo e gás, de maneira inteligente.

Isso passa desde redes em malha (mesh), padrão Long Term Evolution (LTE) privado e tecnologias de banda estreita, para sistemas móveis e fixos. Ou seja, uma variedade de opções disponíveis para essa indústria, permitindo usufruir vantagens como:

  • Automação, controle e monitoramento remoto de processos (SCADA);
  • Coleta de dados do sensor em tempo real;
  • Parada e recuperação de equipamentos;
  • Medição, registro e controle de produção;
  • Videomonitoramento;
  • Comunicação e diagnóstico das plataformas de perfuração;
  • Rastreamento de ativos;
  • Conectividade para a força de trabalho (por exemplo, internet, VoIP).

Os sistemas de telecomunicações sem fio podem ser instalados para várias aplicações diferentes, como por exemplo as voltadas para os métodos de extração onshore e as aplicadas offshore.

A construção offshore é a instalação de estruturas e instalações em um ambiente marinho, para a extração de petróleo nos oceanos profundos. É uma situação que exige soluções em comunicações flexíveis, entre plataformas e da plataforma à terra.

Já a modalidade onshore realiza a exploração no continente, em terra firme. Tais estações precisam de soluções para fornecer comunicação interna, entre plataformas e entre plantas. Também é necessária comunicação nos acampamentos e construções temporárias, além dos depósitos e prédios de manutenção.

Sendo assim, oleodutos e gasodutos exigem comunicações seguras e confiáveis, o que torna fundamental selecionar a tecnologia certa para cada finalidade, incluindo preparar um correto Request or Proposal (RFP) e analisar todas as respostas. Isso significa um projeto capaz de otimizar a rede da melhor forma possível, com qualidade e segurança.

Os principais desafios e as soluções para o setor

Um dos maiores desafios, nas áreas de óleo e gás, é a quantidade limitada de espectro disponível para uso de telecomunicações. Outros entraves estão diretamente relacionados às localidades das estruturas, uma vez que os dispositivos a serem cobertos pela rede de telecomunicação, muitas vezes, encontram-se em lugares remotos, sem cobertura de redes celulares tradicionais.

Algo bem equacionado com o uso de câmeras conectadas a uma rede sem fio para monitorar sistemas de flare que permitem, até mesmo, alertar os trabalhadores sobre possíveis situações perigosas. Isso faz da tecnologia uma verdadeira aliada das empresas em ações preventivas, como a contenção de vazamentos nas tubulações e desligamento de sistemas em caso de emergência.

Outras interessantes soluções, como o Closed Circuit Television (CCTV) e o controle de acesso, asseguram a criação de sistemas avançados de detecção de intrusos. São cercas virtuais que podem disparar alarmes quando houver a entrada de pessoas em áreas não autorizadas, assim como se algum objeto for deixado em local suspeito.

Recursos que garantem ferramentas de suporte à análise, correlações e agregação de dados, apoio à decisão, agilidade e mobilidade da força de trabalho no campo. E os impactos positivos são muitos:

  • Menores custos e mais eficiência nos negócios;
  • Integração e melhoria de processos e recursos;
  • Implantação de tecnologias que facilitam o trato com o consumidor final;
  • Vantagens tecnológicas;
  • Minimização de riscos e problemas;
  • Informação para tomada de decisão cada vez mais rápida;
  • Redes mais eficientes, confiáveis e econômicas;
  • Fazer mais e melhor.

Conte com a CelPlan

A CelPlan é expert no planejamento de redes de telecomunicações sem fio e híbridas. A empresa de atuação internacional conta com uma equipe especializada, voltada a esse tipo de sistemas desde o surgimento das primeiras redes sem fio. Além disso, está há mais de 10 anos no segmento de óleo e gás no Brasil e no mundo.

E não é só a experiência da equipe que faz a diferença. A CelPlan trabalha com ferramentas próprias para o planejamento e melhoria de sistemas sem fio, assim como equipamentos para medidas em campo.

A empresa realiza o planejamento de rede em áreas muito remotas e de difícil acesso. Isso inclui a análise das dificuldades e a sugestão de soluções inovadoras para cobertura dos mais diversos dispositivos, em situações extremamente complexas.

Nos Estados Unidos, a CelPlan está presente há três anos, acompanhando o planejamento e otimização da rede de cobertura de campo de uma das maiores empresas de óleo e gás do país. São 82.000 quilômetros de dutos de óleo e gás e 26 plantas de gás natural, em um projeto que cobre parte do território, com cerca de 100 estações para permitir medições e controle remoto de diversos tipos de dispositivos da rede.

Também nos EUA foi projetada e implementada uma cerca virtual, com utilização de câmeras de monitoramento e software analítico. O dispositivo é capaz de detectar e gerar alarmes alertando sobre intrusos em áreas de alta segurança de uma empresa de distribuição de gás.

E não para por aí. No Oriente Médio, a CelPlan participou do planejamento da rede de telecomunicações de uma das mais importantes produtoras de petróleo da região. O projeto suporta as necessidades de controle e leitura dos dispositivos e válvulas em campo. Sem falar que permite a comunicação por voz e vídeo dos acampamentos e residências temporárias de funcionários, tanto das novas construções e poços como das equipes de emergência, as quais podem se mover pela área de serviço.

Uma atuação que faz da CelPlan uma marca vinculada às melhores soluções para telecomunicações. Navegue no nosso site e saiba mais!

NEWSLETTER

Cadastre-se em nosso banco de dados para ficar por dentro de todas as novidades da CelPlan!